Aracaju - SE
Aracaju - SE

Capital Aracaju - SE                            
Area (Km²)   21 910,348
Números de Municípios 75
População estimada em 2010 2 068 031

 

 
Itabi 1 - SE Itabi 2 - SE Itabi 3 - SE Itabi 4 - SE

Itabi - SE

Itabi - SE                                         Sergipe - SE                                  
População 4.972
Itabi é um município brasileiro do estado de Sergipe.

História

Primeiros moradores

No ano de 1821, oriundos da Fazenda Sítios Novos (hoje município de Canhoba) dos caçadores em seus desbravamentos, chegaram a descobrir uma lagoa nas proximidades da Pedra da Paciência (nome dado pelos próprios em se tratar-se de uma beleza). A então região ficou por eles denominada “Lagoa das Panelas” em razão de terem encontrado no local inúmeras quantidades de panelas de origem indígena.

Os dois desbravadores por nome de José Ferreira de Góis e Antônio José dos Santos, por serem freqüentadores da feira pública de Propriá, espalharam a notícia da localização da Lagoa das Panelas, chegando então aos ouvidos do comerciante de açúcar Manoel Quinca Palatem, senhor de engenho no povoado Cutia, município de Capela, o qual colocou os devidos dados sobre a exata localização da Pedra da Paciência, tendo como ponto de orientação a Serra da Melancia. No local foi erguida uma bandeira para melhor exatidão.

O comerciante e senhor de engenho Manoel Quinca Palatem, traçando um percurso cansativo, saindo da Cutia acompanhado de escravos e zabumbas, que serviam para espantar as onças que habitavam na região, passando pela Taquera, Segredo, Saco de Areia, Moita Redonda, Braúna Torta, Queimadinha, Guedes e Travessia (município de Aquidabã), Mata Grande, Baixo do Mamoeiro e Pedra da Formosa, rumo a Lagoa das Panelas, também acompanhado da família Manoel Quinca Palatem, fixou-se no local construído seu sobrado no alto da atual rua Boa Vista.

Denomina de Panelas o lugarejo já em 1884, teria construído um cruzeiro na Fazenda Bela Vista de propriedade de João Correa Palatem, onde foi celebrada a primeira missa pelo padre Francisco Gonçalves de Lima.

Em 1886 tornava-se concluída a pequena capela do lugarejo, que a 8 de setembro de 1897 o padre Francisco de Lima, introduziu a imagem de Nossa Senhora da Conceição, padroeira do lugarejo. Em seguida, a denominação Lagoa das Panelas foi alterada para Nossa Senhora da Providência, em virtude do constante crescimento do lugarejo pela divina providência.

Já em 7 de janeiro de 1891 foi realizada a primeira feira, tendo dentre seus vários moradores a alferes Pedro Vieira de Menezes, percursor político, oriundo do município Jacaré dos Homens, em Alagoas.

Desenvolvimento

Em decorrência do avanço que o lugarejo obtinha, surgiram moradores de diversos pontos, tendo como sua economia de destaque o cultivo do algodão, transformando em um dos maiores produtores do estado, com fábricas de beneficiamento.

Em 1936, foi criado o terço dos homens pelo frei peregrino quando já havia uma comunidade que tinha sua padroeira (Nossa Senhora da Conceição), sua capela e sua fé.

Em 1938, foi criado o Distrito de Paz. Já em 1944 foi elevado a vila, quando na data o poeta sergipano Simeão Sobral, denominou a então vila por nome de Itabi, em função das duas pedras (em tupi-guarani: ita, "pedra" e bi, "duas").

Emancipação

No início da década de 1950, enquanto o vilarejo era descrito pelos principais meios de comunicação, como o Correio Brasileiro, como "a primeira localidade no território nacional a queimar uma urna eleitoral", numa campanha tumultuada, os candidatos Arnaldo Garcez e Leandro Marciel decidiram o governo do então vilarejo de Itabi.

Por consequência, o governador eleito Arnaldo Garcez, em reconhecimento, elevou o vilarejo a município no dia 25 de novembro de 1953, pelo decreto Lei estadual n° 525-A. criando também o povoado Boa Hora (palavra de Arnaldo Garcez, “Foi o meu presente a Itabi”).

Em 1954, foi realizada a primeira eleição municipal, tendo como o primeiro prefeito Francisco Vieira de Menezes, para o mandato de 1955 a 1960.

Filhos ilustres

Alcino Aragão - primeiro prefeito eleito pelo voto do Municipio de Gararu em 1935, administrou o municipio de Gararu 1935-1939

Bernadete de Oliveira Santana - Médium Espírita

François Hoald - Artista Plástico, Escultor e Ceramista

Marileide de Melo Barreto - Promotora de Justiça aposentada

Rubens Feitosa Melo - Advogado e Prefeito Municipal (1997-2004; 2009-2012)

Maria das Graças Moura (Gracinha) - Primeira professora do município formada na UFS

Ronivon de Aragão - Juiz Federal

Teófilo Batista de Melo - Primeiro escrivão do município

Romualdo Batista de Melo - Auditor do Sebrae

Gilton Feitosa - Promotor de Justiça de Socorro

Róbson Freitas da Silva - Jogador de Futebol - Sport, Santa Cruz, Sertãonzinho, União São João, Moto Clube, Bragantino, Ceará e atualmente no America de Natal.

Valdinaldo Aragão de Melo - Médico-cirurgião

José Raimundo de Melo - Médico homeopata

Antônio Aragão - Empresário do Rio de Janeiro com uma casa chamada Alumínios Providência

Gean Alex de Santana Couto - Gerente do Banco do Nordeste

Raul Almeida - implantou a Telefônica Sergipense, primeiro serviço de comunicação em Sergipe antes da Telergipe

Givaldo de Sá Gouveia (Givaldo Carimbão) - Deputado Federal por Alagoas

Ladislau Alves dos Passos- foi vereador do município de Gararu no período 1935-1937, ele representou a vila de Itabi quando ela pertencia a Gararu.

José Bernardino de Santana Filho - Pároco do Conj. Marcos Freire II

Francisco de Aragão Feitosa - Técnico do Parreiras Horta

Maria Zelma Meneses de Santana Matos - Doutora em lingüística pela UNESP

Antônio Valdione de Sá - Ex-Prefeito Municipal (1988-1992); ex-Secretário de Estado.

Adauri de Souza Santana - Engenheiro da Norcon

Rubens Meneses Aragão - Economista aposentado da Escola Agrotécnica Federal de Sergipe

Wilma Maria Meneses de Aragão - Ass. Social Aposentada da Fund. Renascer, Professora e Ex Diretora do Grupo Escolar Alferes Pedro Meneses

Romildo Meneses Aragão - Oficial da Aeronáutica

Pe.Antônio Rodrigues de Sousa - Pároco de Porto da Folha-SE (atualmente)

Pe.Manoel Luis Rodrigues de Souza - Pároco de Aquidabâ-SE (atualmente)

José Robson Aragão - Artista Plástico

ANTÔNIO MENEZES DE SOUZA (seu TUTU)- Um dos fundadores do terço dos homens em 1936 sob orientação de FREI PEREGRINO e fundador também do Sindicato de Trabalhadores Rorais de Itabi.

ACÁSSIA CRISTINA SOUZA - Mestre em geografia pela UFS e atua no departamento de geografia da UFS.