Boa Vista - RR
Boa Vista - RR

Capital Boa Vista - RR                              
Area (Km²)   224 298,980                              
Números de Municípios 15
População estimada em 2010     451 227

 

 
Amajari 1 - RR Amajari 2 - RR Amajari 3 - RR Amajari 4 - RR

Amajari - RR

Amajari - RR                                      Roraima - RR                                    
População 9.330
Amajari é um município do noroeste do estado de Roraima.

A população estimada em 2006 era de 6229 habitantes e a área é de 28.472 km², o que resulta numa densidade demográfica de 0,2 hab/km². Seus limites são a Venezuela a oeste e norte, Pacaraima a leste, Boa Vista a sudeste e Alto Alegre a sul.

História

Em 1975 chegou o primeiro morador, Senhor Brasil, dando nome ao lugar. Em 17 de outubro de 1995, através da lei nº 097, o município foi criado com terras desmembradas do município da Capital do Estado.

Geografia

O município tem uma participação em relação ao Estado de 12,70% e a participação de povos indígenas em relação ao total do município é de 58,71%. No relevo, predominam as superfícies planas (constituindo 50% do solo), as áreas inundáveis (que representam 10%) e o relevo fortemente ondulado (que é bastante conhecido na região e que no município representa 40% do solo).

Clima

O município possui basicamente dois tipos de clima: Aw, que é o clima tropical chuvoso de savana com um pequeno período seco, e o Am, clima tropical chuvoso de monção no extremo leste e quente possuindo estação seca. Já a temperatura média do município é de 26°C.

Hidrografia

Os principais rios da cidade são Uraricoera, Parimé e Amajari (esse último que dá nome a cidade). A precipitação pluviométrica fica em torno de 2.000 mm.

Limites

    Norte/Oeste: República da Venezuela
    Sul: Municípios de Alto Alegre e Boa Vista
    Leste: Município de Pacaraima


Economia

O município tem como produtos principais na área de cultivo o milho, a mandioca, a banana, a cana-de-açúcar e o arroz. Tem um bom potencial para a produção de culturas permanentes, pode-se citar como exemplo o café, entre outros. A pecuária predominante é a de corte, mas no entanto, há também perspectivas favoráveis à pecuária de leite. O município dispõe de pontos muito positivos para o desenvolvimento da piscicultura na área da mata, e do turismo (como a Serra do Tepequém, a região das cachoeiras do Ereu e sua natural fauna e flora).

Atrações turísticas

    Reserva Biológica Ilha de Maracá – Primeira estação ecológica do país e terceira ilha fluvial em superfície do planeta – só perde para Marajó e Bananal. Possui uma grande diversidade biológica e populações endêmicas de fauna e flora. A visitação só e permitida com a permissão do Ibama. O acesso é pela RR 205 (asfaltada).
    Estância Ecológica Sesc Tepequém – Localizada no topo da Serra do Tepequém, possui uma pousada com excelentes instalações. Atrações: Cachoeiras do Paiva, Sobral, Barata, Funil e outras. Acesso pela BR-174 até o km 100, depois seguindo pela RR 203 (asfaltada) até o trevo do Trairão. Depois dali, são 4 km serra acima. É recomendável que o carro tenha tração 4 x 4. Recomenda-se também o uso de protetor solar e repelentes.