Porto Alegre - RS
Porto Alegre - RS

Capital Porto Alegre - RS                               
Area (Km²)   281 748,538
Números de Municípios 496
População estimada em 2010        10 914 128

 

 
Arvorezinha 1 - RS Arvorezinha 2 - RS Arvorezinha 3 - RS Arvorezinha 4 - RS

Arvorezinha - RS

Arvorezinha - RS                                            Rio Grande do Sul - RS                                  
População 10.229
Arvorezinha é um município brasileiro do estado do Rio Grande do Sul.

O nome faz menção à figueira (nome do distrito antes da emancipação) ainda localizada ao lado da igreja matriz de Arvorezinha.

Os resultados conquistados nas áreas da educação, turismo e cultura foram os responsáveis pelo título recebido em 2008 de "Capital da Cultura do Vale do Taquari".

História

Arvorezinha teve como primeiro habitante Lino Figueira, que se estabeleceu na região por volta de 1900.

Grande parte de sua população é descendente de imigrantes italianos advindos das cidades de Antônio Prado, Veranópolis, Bento Gonçalves, Caxias do Sul e Garibaldi, que começaram a se estabelecer na região no início do século XX.

Antes da emancipação, em 6 de fevereiro de 1959, o território do atual município pertenceu a Taquari e, depois, a Encantado.

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de Alto Figueira, por Ato Municipal n.º 13, de 01-08-1922, subordinado ao município de Encantado.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o distrito de Alto Figueira figura no município de Encantado.

Em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937, o distrito é denominado Figueira e continua no município de Encantado.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1950, o distrito permanece no município de Encantado.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de I-VII-1955.

Elevado à categoria de município com a denominação de Arvorezinha, pela Lei Estadual n.º 3.717, de 16-02-1959, desmembrados dos municípios de Encantado e Soledade. Sede atual distrito de Arvorezinha (ex-Figueira). Constituído de 2 distritos: Arvorezinha e Maurício Cardoso desmembrado de Soledade. Instalado em 07-06-1959.

Pela Lei Municipal n.º 24, de 04-08-1959, é criado o distrito de Alvorada (ex-povoado), desmembrado do distrito de Maurício Cardoso e anexado ao município de Arvorezinha.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído de 3 distritos: Arvorezinha, Maurício Cardoso e Alvorada.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 31-XII-1963.

Pela Lei Municipal n.º 186, de 01-09-1970, o distrito de Alvorada passou a denominar-se Nova Alvorada.

Em divisão territorial datada de 1-I-1979, o município é constituído de 3 distritos: Arvorezinha, Maurício Cardoso e Nova Alvorada.

Pela Lei Municipal n.º 502, de 26-11-1981, é criado do distrito de Cadorna e anexado ao município de Arvorezinha.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1983 (suplemento), o município é constituído de 4 distritos: Arvorezinha, Maurício Cardoso, Nova Alvorada e Cadorna.

Pela Lei Estadual n.º 8.632, de 12-05-1988, alterada em seus limites, pela Lei Estadual n.º 9013, de 11-01-1990, desmembra do município de Arvorezinha, os distritos de Nova Alvorada e Cadorna, para formar o novo município de Nova Alvorada.

Pela Lei Estadual n.º 9.580, de 20-03-1992, desmembra do município de Arvorezinha o distrito de Mauricio Cardoso. Elevado á categoria de município com a denominação de Itapuca.

Em divisão territorial datada de 1995, o município é constituído do distrito sede.

Pela Lei Municipal n.º 1.069, de 16-08-1996, é criado o distrito de Pinhal Queimado e anexado ao município de Arvorezinha.

Em divisão territorial datada de 2003, o município é constituído de 2 distritos: Arvorezinha e Pinhal Queimado.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.

Geografia

Localiza-se a uma latitude 28º52'20" sul e a uma longitude 52º10'31" oeste, estando a uma altitude de -500 metros.

Possui uma área de 278,38 km² e sua população estimada em 2004 era de 10.495 habitantes.

Clima

Apresenta clima subtropical ameno e seco, com queda de neve pelo menos uma vez ao ano, e geadas frequentes de junho a julho.

Cultura

A cultura de Arvorezinha deve muito a colonização italiana, tanto na gastronomia como no folclore e religião. O dialeto vêneto é presente no dia-a-dia dos cidadãos.

Os casarões em estilo italiano também identificam a descendência da população.

Economia

Na economia tem destaque a agricultura (erva-mate, milho, soja, feijão, fumo) e a pecuária (bovinos, suínos e aves).

O município de Arvorezinha é um dos maiores produtores de erva-mate do Brasil, com distribuição em todo o Rio Grande do Sul e exportação para outros estados do país.

Turismo

A erva-mate também é responsável pelo maior evento festivo do município, a Festa Nacional do Mate (Femate).

Eventos como o Natal no Morro, Festival de Vinhos e Queijos e Festival do Chope, os mais tradicionais, divulgam a cidade em todo o estado.