Natal - RN
Natal - RN

Capital Natal - RN                              
Area (Km²)   52 796,791
Números de Municípios 167
População estimada em 2010 3 168 027

 

 
Bento Fernandes 1 - RN Bento Fernandes 2 - RN Bento Fernandes 3 - RN Bento Fernandes 4 - RN

Bento Fernandes - RN

Bento Fernandes - RN                                       Rio Grande do Norte - RN                                  
População 5.110
Bento Fernandes, município no estado do Rio Grande do Norte (Brasil),

localizado na microrregião da Baixa Verde. De acordo com o censo realizado pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) no ano 2006, sua população é de 5.006 habitantes. Área territorial de 335 km².

O município foi emancipado de Taipu através da Lei nº 2.353, de 31 de dezembro de 1958. Limita-se com Ruy Barbosa e Riachuelo (norte), São Tomé (leste), Sítio Novo e Lagoa de Velhos (sul) e São Paulo do Potengi (oeste). Desde 25 de junho de 1963 pela lei estadual 2889 possui o distrito de Belo Horizonte.

A sede do município está a 5° 41’ 38” de latitude sul e 35° 49’ 11” de longitude oeste. A altitude é de 111 m acima do nível do mar e a distância rodoviária até a capital é de 88 km. A pluviosidade média aferida no município, segundo o IDEMA é de 522,5 mm.

Ainda de acordo com o IDEMA, o solo da região é do tipo podzólico vermelho amarelo equivalente eutrófico abrúptico plínthico e planossolo solódico.

O solo tem aptidão regular para lavouras e para pastagem plantada. Terras aptas para culturas especiais de ciclo longo, tais como algodão arbóreo, sisal, caju e coco.

História

Barreto, primitivo nome do município, denominava localidade e riacho, sendo seu topônimo originário de antigo posseiro, tido como fundador da situação, de quem ignora maiores vestígios históricos.

Um grande animador da povoação de Barreto, foi o senhor do Engenho Carnaubal, no Ceará-Mirim, Carlos Augusto Carrilho de Vasconcelos, erguendo a capela de São Sebastião, ativando a produção agrícola pelas compras e auxílios financeiros e construíndo uma escola.

Atual nome do município, foi dado em homenagem a Bento Fernandes de Macedo, o qual era agricultor nas campinas, com uma numerosa família de 18 filhos, honesta, laboriosa e dedicada, justificando-lhe a simpatia local. Velho delegado de polícia, morreu assassinado em maio de 1925, ao tentar debelar um tumulto, provocado por forasteiro durante festividade religiosa. A capelinha diante da qual foi morto, a Capela do Sagrado Coração de Jesus, ainda existe, embora em situação precária.

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de Barreto ex-povoado, pela lei estadual nº 2328, de 17-12-1958, subordinado ao município de Taipu.

Elevado à categoria de município com a denominação de Barreto, pela lei estadual nº 2353-A, de 31-12-1958, desmembrado de Taipu. Sede no atual distrito de Barreto ex-povoado. Constituído do distrito sede. Instalado em 01-01-1959.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído do distrito sede. Pela lei estadual nº 2889, de 25-06-1963, é criado o distrito de Belo Horizonte e anexado ao município de Barreto. Em divisão territorial datada de 1-XII-1963, o município é constituído de 2 distritos: Barreto e Belo Horizonte. Pela lei estadual nº 3506, de 16-10-1967, o município de Barreto passou a denominar-se Bento Fernandes. Em divisão territorial datada de 31-XII-1968, o município é constituído de 2 distritos: Bento Fernandes e Belo Horizonte. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.

Alteração toponímica distrital

Barreto para Bento Fernandes alterado, pela lei estadual nº 3506, de 16-10-1967.

Economia

De acordo com dados do IPEA do ano de 1996, o PIB era estimado em R$ 1,65 milhões, sendo que 50,7% correspondia às atividades baseadas na agricultura e na pecuária, 1,4% à indústria e 47,9% ao setor de serviços. O PIB per capita era de R$ 358,29.

Em 2002, conforme estimativas do IBGE, o PIB havia evoluído para R$ 9,657 milhões e o PIB per capita para aproximadamente R$ 1.985,00.