Rio de Janeiro - RJ
Rio de Janeiro - RJ

Capital                        Rio de Janeiro - RJ                          
Area (Km²)   43 696,054
Números de Municípios 92
População estimada em 2010 15 993 583

 

 
Bom Jesus do Itabapoana 1 - RJ Bom Jesus do Itabapoana 2 - RJ Bom Jesus do Itabapoana 3 - RJ Bom Jesus do Itabapoana 4 - RJ

Bom Jesus do Itabapoana - RJ

Bom Jesus do Itabapoana - RJ           Rio de Janeiro - RJ                                
População 35,411
Bom Jesus do Itabapoana é um município brasileiro do estado do Rio de Janeiro. Situa-se a uma altitude de 88 metros. A população recenseada em 2010 pelo IBGE foi de 35.411 habitantes

Possui uma área de 598,84 km², subdividida nos distritos de Bom Jesus do Itabapoana (sede), Calheiros, Carabuçu, Pirapetinga de Bom Jesus, Rosal e Serrinha.

História

Habitado inicialmente pelos tamoios, a colonização do território do atual Município começou no século XVIII, com a doação de sesmarias. Os primeiros que lá se instalaram foram os Faro e os Pereira da Silva e, em 1853, já havia um povoado. Sua privilegiada localização geográfica determinou rápido progresso e, em 1864, foi inaugurada a estação da Estrada de Ferro Central do Brasil, tornando-se logo importante praça comercial no interior. Era ponto obrigatório de grande parte dos produtos de Minas Gerais e São Paulo, o que veio determinar o desenvolvimento da agricultura, do comércio e da indústria. Apesar de sofrer as conseqüências da abolição da escravatura, refez-se rapidamente e expandiu seu parque industrial.

Formação Administrativa
A freguesia criada com a denominação de Bom Jesus do Itabapoana, pela lei provincial nº 1261, de 14-11-1862, subordinado ao município de Itaperuna.
Elevado a categoria de vila com a denominação de Bom Jesus do Itabapoana, pelo decreto nº 150, de 24-11-1890, desmembrado de Itaperuna. Sede no antiga vila de Bom Jesus do Itabapoana. Constituído do distrito sede.
Pelo decreto estadual nº 1, de 08-05-1892 e 1-A, de 03-06-1892, Bom Jesus do Itabapoana perdeu a categoria de vila, sendo reintegrado a condição de freguesia e anexado ao município de Itaperuna.
Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, Bom Jesus de Itabapoana é distrito de Itaperuna.
Assim permanecendo em divisões territoriais de 31-XII-1936, de 31-XII-1937.

Elevado a categoria de município com a denominação de Bom Jesus de Itabapoana, pelo decreto-lei estadual nº 633, de 14-12-1938, desmembrado de Itaperuna. Sede no antigo distrito de Bom Jardim do Itabapoana. Constituído de 4 distritos: Bom Jesus do Itabapoana, Calheiros ex-Santo Antônio de Itabapoana, Rosal ex-Santana, ambos desmembrado do município de Itaperuna e Liberdade criado pala mesma legislação que criou o município e pelo decreto nº 641, de 15-12-1938. Instalado em 01-01-1939.
No quadro fixado para vigorar no período de 1939-1943, o município é constituído de 4 distritos: Bom Jesus do Itabapoana, Calheiros, Liberdade e Rosal.
Pelo decreto-lei estadual nº 1056, de 31-12-1943, o distrito de Liberdade passou a denominar-se Carabuçu.

Em divisão territorial datada de I-VII-1950, o município é constituído 4 distritos: Bom Jesus do Itabapoana, Calheiros, Rosal e Carabuçu ex-Liberdade.
Pela estadual nº 1852, de 11-92-1953, é criado o distrito de Pirapetinga de Bom Jesus e anexado ao município de Bom Jesus de Itabapoana.
Em divisão territorial datada de l-VII-1960, o município de Bom Jesus do Itabapoana é constituído de 5 distritos: Bom Jesus do Itabapoana, Calheiros, Carabuçu, Pirapetinga do Bom Jesus e Rosal.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de I5-VII-1999.

Pela lei nº , de , é criado o distrito de Serrinha e anexado ao município de Bom Jesus do Itabapoana.
Em divisão territorial datada de 2003, o município é constituído de 6 distritos: Bom Jesus do Itabapoana, calheiros, Carabuçu, Pirapetinga do Bom Jesus, Rosal e Serrinha.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.

Economia

Bom Jesus do Itabapoana tem sua economia voltada principalmente à Agropecuária e aos setores comercial e de serviços. Conta também com pequeno parque industrial, razoavelmente diversificado.

Universidade

O Colégio Técnico Agrícola Ildefonso Bastos Borges (CTAIBB), unidade do Instituto Federal Fluminense (IFF) na cidade, além dos cursos técnicos em Técnico em Agropecuária, Técnico em Agroindústria e Técnico em Informática e Curso Superior de Ciência Tecnologia de Alimentos, ainda funciona em suas instalações turmas de mestrado e doutorado em Medicina Veterinária, da Faculdade de Medicina Veterinária da UFF.

Há também a Instituto Superior de Educação (ISE-FAETEC) com o curso de Pedagogia e cursos de extensão, e a Faculdade Metropolitana São Carlos (FAMESC-BJI), com graduação em Enfermagem, Ciências Biológicas e Direito (este último terá sua primeira turma no segundo semestre de 2011) e cursos diversos de pós-graduação lato senso.

Religião

As paróquias católicas de Bom Jesus são três, por ordem de criação: Senhor Bom Jesus e São José (territoriais), e ainda a Paróquia da Administração Apostólica Pessoal São João Maria Vianney, Cada uma delas possui colégios e investe em obras sociais.

As principais Igrejas Protestante de Bom Jesus são: Igreja Adventista do 7º Dia, Assembleia de Deus, Igreja Batista, Presbiteriana, Maranata e Metodista Wesleyana. As igrejas evangélicas protestantes são equipadas com colégios, creches, áreas de lazer e vários outros meios de integração da comunidade, como a ajuda dispensada a várias famílias carentes, com cestas básicas, auxílio médico e etc....

Há ainda o Centro Espírita Bom Jesus.