Pernambuco - PE
Recife - PE

Capital Recife - PE                            
Area (Km²)   98 311,616
Números de Municípios 185
População estimada em 2010 8 796 032

 

 
Abreu e Lima 1 - PE Abreu e Lima 2 - PE Abreu e Lima 3 - PE Abreu e Lima 4 - PE

Abreu e Lima - PE

Abreu e Lima - PE                                  Pernambuco - PE                                  
População 94.428
Abreu e Lima é um município brasileiro do estado de Pernambuco.

História

Abreu e Lima foi desmembrado do município de Paulista em 14 de Maio de 1982, através da lei Estadual nº 8.950

A área onde o município está localizado, começou a ser povoada por Duarte Coelho, donatário da capitania de Pernambuco, quando dividiu a capitania em sesmarias no ano de 1535. Em 1548, o almoxarife-mor de Pernambuco, Vasco Fernandes fundou o Engenho Jaguaribe dando início ao povoado que deu origem ao município.

Pela Lei Estadual n° 421, de 31 de dezembro de 1948, o distrito de Maricota recebeu o topônimo de Abreu e Lima em homenagem a José Inácio de Abreu e Lima, notável político, escritor, jornalista e general, o "Inácio pernambucano", que lutou quatorze anos ao lado de Simón Bolívar, um dos heróis da independência da Venezuela.

Nas terras do município, na época povoado de Maricota, se deu no dia 10 de novembro de 1848 a primeira batalha da Revolução Praieira, que havia sido deflagrada três dias antes na cidade de Olinda.

O distrito foi criado pelo Decreto-lei Estadual n° 235, de 9 de dezembro de 1938, pertencendo ao município de Paulista (Pernambuco), a povoação ganhou o nome de uma senhora, dona Maricota, muito bem relacionada entre os habitantes locais e proprietária de um estabelecimento de serviço de alimentação. Durante anos o povoado foi um local acolhedor, principalmente para homens de negócios que ali paravam para refeições ou pernoite.

O município foi emancipado em 1982,através do voto popular em plebiscito realizado ao dia 9 de maio daquele ano, após quatrocentos anos sob o domínio político e administrativo de Igarassu, e outros 47 subordinados à cidade de Paulista, o que se tornou realidade no dia 14 de maio de 1982 após assinatura do decreto que também emancipava os distritos de Itapissuma e Camaragibe.

A Lei Estadual n° 4.993, de 20 de dezembro de 1963, elevou o distrito à categoria de município, o qual foi extinto em 27 de agosto de 1964 pelo Acórdão do Tribunal de Justiça, mandado de segurança n° 56.889. Em 14 de maio de 1982 a Lei Estadual n° 8.950 elevou novamente Abreu e Lima à categoria de município, desmembrado de Paulista, com sede no antigo distrito, tendo sido instalado em 31 de março de 1983.

Abreu e Lima é o município brasileiro com maior percentual de habitantes evangélicos, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE): 35% dos 97 mil habitantes são praticantes dessa religião.O número expressivo motivou a criação da Lei Municipal 632, em 2008, que fixa 31 de outubro como feriado, o Dia da Consciência Evangélica.


O município tem em seu sítio arqueológico as ruínas da Igreja de São Bento, no engenho Jaguaribe. No engenho Utinga afirma-se ter-se escondido Frei Caneca em 16 de setembro e 17, quando da derrota na revolta conhecida como Confederação do Equador em 1824 em Pernambuco. Hoje estudos arqueológicos estão sendo feitos no local, já tendo sido encontrados vestígios da passagem dos holandeses nas terras de Pernambuco, na cidade de Abreu e Lima.

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de Maricota, pelo decreto-lei estadual nº 235, de 09-121938, subordinado ao município de Paulista.

No quadro fixado para vigorar no período de 1939-1943, o distrito de Maricota figura no município de Paulista.

Pela lei estadual nº 421, de 31-12-1948, o distrito de Maricota passou a denominar-se Abreu e Lima.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o distrito já denominado de Abreu e Lima figura no município de Paulista.

Elevado à categoria de município com a denominação de Abreu e Lima, pela lei estadual nº 4993, de 20-12-1963, desmembrado de Paulista. Sede no antigo distrito de Abreu e Lima. Constituído do distrito sede.

Pelo Acordão do Tribunal de Justiça, mandado de segurança nº 56889, de 27-08-1964, o município é extinto, voltando à categoria de distrito.

Em divisão territorial datada de 31-XII-1963, o distrito de Abreu permanece no município de Paulista.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de de 1-I-1979.

Elevado à categoria de município com denominação de Abreu e Lima, pela lei estadual nº 8950, de 14-05-1982, desmembrado de Paulista. Sede no antigo distrito de Abreu e Lima. Constituído do distrito sede. Instalado em 31-03-1983.

Em divisão territorial datada de 18-VIII-1988, o município é constituído do distrito sede.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2005.

Alteração toponímica distrital

Maricota para Abreu e Lima, alterado pela lei estadual nº 421, de 31-12-1948.