Belém do Pará - PA
Belém do Pará - PA

Capital Belém do Pará - PA                             
Area (Km²)   1 247 689,515
Números de Municípios 143
População estimada em 2010         7 588 078

 

 
Conceição do Araguaia 1 - PA Conceição do Araguaia 2 - PA Conceição do Araguaia 3 - PA Conceição do Araguaia 4 - PA

Conceição do Araguaia - PA

Conceição do Araguaia - PA                        Pará - PA                                                           
População 45.530
Conceição do Araguaia é um município brasileiro do estado do Pará.

Localiza-se a uma latitude 08º15'28" sul e a uma longitude 49º15'53" oeste, estando a uma altitude de 165 metros. Sua população estimada em 2004 era de 44.095 habitantes.

Um município maravilhoso, com uma bela catedral construida há quase 100 anos e belo rio (o Araguaia), praias deslumbrantes, (tais como: Praia das Gaivotas, Praia Verde e Praia Alta) gente receptiva e hospitaleira, entre outras qualidades. A época ideal para se visitar a cidade é na estiagem, entre maio e setembro. Com o clima mais seco, o nível das águas do Araguaia baixa, revelando bancos de areia que se transformam em ilhas, onde se pode acampar, desfrutar da beleza natural local, pescar bons peixes (como pintados, tucunarés e bocalargas) e tomar bons banhos de rio. Com um pouco mais de sorte pode-se ver um boto.

Possui uma área de 5.829,441 km².

História

A história de Conceição do Araguaia traz seus primeiros registros ligados ao período do Brasil Imperial, mais precisamente ao ano de 1888, quando o religioso francês frei Gil de Vilanova chegou no local para catequizar os índios Kaiapó. A região se originou do extenso território de Baião. Inicialmente, foi criado um posto de catequese que mais tarde foi crescendo a ponto de se tornar um movimentado povoado. Em 1908, o então governador do Pará, Augusto Montenegro, elevou o povoado à categoria de cidade para fazer frente às ameaças do estado de Goiás de anexar a área a seu território.

Com a Revolução de 1930, houve a queda do comércio da borracha provocando a extinção do município que, por sua vez, reconquistou autonomia política três anos depois, em 1933. O resultado foi o desmembramento do vasto território em 5 municípios: Santana do Araguaia (1961), Redenção, Rio Maria e Xinguara (1982) e Floresta do Araguaia (1993).

O nome da cidade é uma homenagem à padroeira da localidade original, Nossa Senhora da Conceição, e ao rio que banha a margem esquerda dessa terra, o Araguaia, que na língua tupi significa 'rio do vale dos papagaios'.

A guerrilha

Conceição do Araguaia, que é uma bela síntese das belezas naturais da Amazônia, tem também um grande valor histórico que hoje favorece o turismo cultural. Em 1972 o local foi palco de um movimento militar na fase mais radical da ditadura brasileira. Nesse contexto, o exército brasileiro tomou de assalto a região do baixo Araguaia, fazendo de Marabá e Xambioá suas cidades-quartéis. A 'ocupação' da área tinha por objetivo aniquilar o incipiente movimento de resistência que vinha sendo construído na região por militantes do Partido Comunista do Brasil.

Esta agressão militar, que atingiu não só os militantes comunistas, mas também a população local, deu início ao episódio que ficou conhecido pela história como a Guerrilha do Araguaia. Até hoje vivem por lá ex-guerrilheiros e também ex-combatentes da guerrilha.

Embora a grande maioria prefira silenciar-se sobre o assunto, principalmente os familiares dos envolvidos diretamente nessa história, a guerrilha tem um forte apelo turístico, tanto que inspirou a Paratur e a secretaria de turismo do município e de outros municípios vizinhos, a roteirizar produtos relacionados ao tema. O resultado é o roteiro “Trilhas do Araguaia” que, embora o nome ainda esteja sendo discutido, levará o tema, juntamente com outros ícones da cultura, da arte, da gastronomia e do artesanato locais.Seus artistas locais são representantes das varias áreas da cultura, musical, literária e plásticas.

Conhecidos não somente pelo público local, como também, em outras partes do país. Entres eles: Moacir Costa, Orlando Mendoça, Wilson Leite, "Manelão", Esaú Coelho, Viani Braga, José Valdir,Alan Rocha dos Santos. Obras: Dezoito Rosas (censurado) História de Fé e vida e A Caverna do Saber, Leonardo Luz, Fortes Sobrinho e D. Luis Palha-op(ex-bispo).

Jogos indígenas

A cidade foi sede dos III Jogos Indígenas do Pará no ano de 2006, em uma arena com o rio Araguaia ao fundo, tendo várias etnias participado dessa grande festa dos povos indígenas do Brasil.

A região isolada

A região de Conceição do Araguaia tem o maior número de famílias sem terra do Brasil, e mesmo assim os recursos vindo do governo federal são poucos para manter as famílias como o projeto luz para todos e outros.

A população de Conceição do Araguaia clama pela criação do estado do Carajás, essa seria a forma mais rápida de desenvolvimento, a região está sendo esquecida pelo poder público do estado.

A grande distância da capital do estado é a maior barreira encontrada pela população do sul estado do Pará. A capital do estado do Tocantins está mais próxima que a do próprio estado.