Vitória - ES
Vitória - ES

Capital Vitória - ES                               
Area (Km²)   46 077,519
Números de Municípios 78
População estimada em 2010 3 512 672

 

 
Barra de São Francisco 1 - ES Barra de São Francisco 2 - ES Barra de São Francisco 3 - ES Barra de São Francisco 4 - ES

Barra de São Francisco - ES

Barra de São Francisco - ES Espirito Santo - ES                 
População 40 610
Barra de São Francisco é um município brasileiro do estado do Espírito Santo. Sua população, segundo contagem feita pelo IBGE, em 2007, era de cerca de 39.627 habitantes. O último censo não mostrou os mesmos números e acredita-se que sua população seja estimada em torno dos 42 mil habitantes.

As principais fontes de renda do município são a extração de granito e a agricultura. Cidade de comércio diversificado, tem atraído bons profissionais da área da medicina e empresários em geral, notadamente os ligados à área de mineração.

O município é um que possui a população mais catolica, com destaque para as igrejas: Matriz, as 54 comunidades, o catolisismo e visivel na cidade . o Paraco da cidade e padre Edson alexandre, e o vigario Padre Amarildo. Os movimentos bem notavél da igreja e o rcc( renovação carismatica catolica) existem na cidade dois ministérios de Musicas Discipulos e Saciados em cristo que vem levando a evangelizaçao atraves da musica. A "Igreja Matriz-Católica" de Barra de São Francisco, cartão-postal da cidade, foi construída em 1955 e é visitada por brasileiros e estrangeiros.

   

O território do atual município de Barra de São Francisco recebeu, no inicio do século XX, seus primeiros colonizadores, procedentes da Colatina e do Estado de Minas Gerais.
Esses colonizadores, que vieram em busca de terras férteis devolutas, para a formação de lavouras cafeeiras, fundaram na confluência dos rios São Francisco e Itaúnas, o patrimônio da Capela de São Sebastião.
Com a denominação de Barra de São Francisco, por estar localizado na confluência dos rios São Francisco e Itaúnas, o Patrimônio de São Sebastião foi elevado, em 1938, à sede de distrito e, em 1943, instalou-se oficialmente como município, desmembrado de São Mateus.
Formação Adminstrativa:

Distrito criado com a denominação de Barra de São Francisco em, 24-06-1935, subordinado do município de São Mateus.
Em divisão territorial datada de 31-XII-1936 e 31-XII-1936, o distrito de Barra de São Francisco permanece no município de São Mateus.
Elevado à categoria de município com a denominação de Barra de São Francisco, pelo decreto-lei estadual nº 15177, de 31-12-1943, desmembrado de São Mateus. Sede no antigo distrito de Barra de São Francisco. Constituído de 4 distritos: Barra de São Francisco, Ametista, Gabriel Emílio e Joeirana. Desmembrado de Conceição da Barra.
Instalado em 01-03-1944.

No quadro fixado para vigorar no período de 1944-1948, o município é constituído de 4 distritos: Barra de São Francisco, Ametista, Gabriel Emílio e Joeirana.
Pela lei estadual nº 166, de 24-12-1948, desmembra do município de Barra de São Francisco o distrito de Ametista. Elevado à categoria de município.
Pela lei estadual nº 167, de 24-12-1948, desmembra do município de Barra de São Francisco o distrito de Joeirana. Elevado à categoria de município.
Pela lei estadual nº 265, de 22-10-1949, são criados os distritos de Água Doce e Paulista e anexados ao município de Barra de São Francisco.
Pela lei estadual nº 776, de 29-12-1953, São criados os distritos de Poranga e Santo Agostinho e anexado ao município de Barra de São Francisco.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1-VII-1960.
Pela lei estadual nº 1892, de 09-12-1963, são criados os distritos de Cachoeirinha de Itaúna e Monte Sinaí e anexados ao município de Barra de São Francisco.
O distrito de Gabriel Emílio passou a pertencer ao Estado de Minas Gerais, conforme acordo ente os Estados de Minas Gerais e Espírito Santo (Espírito Santo: Decreto estadual nº 264, de 15-09-1963 e Minas Gerais decreto estadual nº 7166, de 15-09-1963.

Em divisão territorial datada de 31-XII-1963, o município é constituído de 7 distritos: Barra de São Francisco, Àgua Doce, Cachoeirinha de Itaúna, Monte Sinaí, Paulista, Poranga e Santo Agostinho.
Pela lei estadual nº 1958, de 01-01-1964, são criados os distritos de Governador Lacerda de Aguiar, Itaperuna, Santo Antônio e Vila Nelita e anexados ao município de Barra de São Francisco.
Em divisão territorial datada de 1-I-1979, o município é constituído de 11 distritos: Barra de São Francisco, Água Doce, Cachoeirinha de Itauna, Governador Lacerda de Aguiar, Itaperuna, Monte Sinaí, Paulista, Poranga , Santo Agostinho, Santo Antônio e Vila Nelita.

Pela lei estadual nº 4166, de 28-07-1988, é criado o distrito de Santa Luzia do Azul anexado ao município de Barra de São Francisco.
Pela lei estadual nº 4166, de 06-05-1988, desmembra do município de Barra de São Francisco os distritos de Água Doce do Norte ex-Água Doce, Governador Lacerda de Aguiar, Santa Luzia do Azul, Santo Agostinho e Vila Nelita. Para formar o novo município de Água Doce do Norte.
Em divisão territorial datada de 1-VI-1995, o município é constituído de 7 distritos: Barra de São Francisco, Cachoeira de Itaúna, Itaperuna, Monte Sinaí, Paulista, Poranga e Santo Antônio.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2005.

Obs.: Localizado na serra dos Aimorés, figuram na divisão territorial do Brasil, edição de 1965, o distrito de Gabriel Emílio em face do acordo celebrado entre os Estados de Minas Gerais e Espírito Santo: Decreto estadual nº 264, de 15-09-1963 e Minas Gerais: Decreto estadual nº 7166, de 15-09-1963, passou a integrar definitivamente ao território do Estado de Minas Gerais.