Salvador - BA

Salvador - BA

Capital         Salvador - BA 
Área (km²) 567 295,669                                
Número de municípios 417
População estimada  em 2010   14 016 906

 

 
Amargosa 1 - BA Amargosa 2 - BA Amargosa 3 - BA Amargosa 4 - BA

Amargosa - BA

Amargosa - BA Bahia - BA        
População 34 340
Amargosa é um município brasileiro do estado da Bahia. Sua população estimada em 2008 era de 34.340 habitantes. Em 19 de junho de 1891, aconteceu o ato de criação que elevou a Vila de Nossa Senhora do Bom Conselho de Amargosa à categoria de cidade, passando a se chamar apenas Amargosa. O nome desta cidade teve origem na caça das pombas de carne amarga que faziam parte da fauna local, e que atraia caçadores da região, através do convite: “vamos às amargosas”. Amargosa é um município que destaca-se pela beleza de suas inúmeras praças e jardins. Amargosa tem como um de seus mais ilustres personagens Pedro Calmon, que foi muito importante para o desenvolvimento da cidade na época em que sua família ali residia.

Geografia

Situada no Vale do Jiquiriçá, em uma das mais belas paisagens do interior da Bahia, que incluem rios, cachoeiras, matas e trilhas. Possui um dos quatro melhores índices de saúde da Bahia, a cidade melhora sua infra-estrutura e vem crescendo economicamente.

Clima

O clima em Amargosa tem grande variação, abrangendo o úmido, úmido-subúmido, subúmido-semi-árido e semi-árido. As temperaturas variam de 15ºC no inverno a 26ºC nas estações mais quentes.

Relevo

O município de Amargosa é composto por morros e colinas de vertentes íngremes a aguçado e com tendência a crista, de forma convexa, sendo que na parte norte da região é mais abaulado e próximo a Santa Terezinha tabular, o relevo, portanto, é controlado pela estrutura com uma altitude variando de 230 a 980 m, destacando as serras de Tartaruga, Julião e Baratinha.

Hidrografia

O principal rio que corta o município de Amargosa é o Jiquiriçá-Mirim, tendo como afluentes os riachos da Correntina, Tamanduá, Cavaco, Boqueirão, Bainha, Timbó, Tauá, Massaranduba, Baixada e outros de menor vazão. Também são importantes para o município os rios Corta Mão, Riachão, Verde e Capivara.

Vegetação

Próximo à região de divisa com os municípios de Mutuípe, Laje e Ubaíra é predominante as formações florestais secundárias (capoeira). À medida que se aproxima de Brejões, Milagres, as temperaturas e os índices pluviométricos diminuem, ocorrendo formações com aspectos arbóreos menos exuberantes e ocorrem formações de caatinga na divisa com Santa Terezinha e Milagres.

Divisão Político-Administrativa

A sede de Amargosa compreende os bairros do Centro, Rodão, São Roque, Santa Rita, Alto da Bela Vista, Katiara, URBIS l, URBIS ll e Sucupira. Além da sede do município existem os distritos de Corta Mão, Itachama e Diógenes Sampaio e quatro povoados: Acajú, Baixa de Areia, Cavaco e Barreiro.

Economia

Produção Agropecuária

A pecuária extensiva é a marca do médio e grande produtor, sendo que a pecuária de leite intensiva, inserida no contexto nos anos 70 tinha se mostrado como alternativa tem passado por grandes dificuldades devido ao custo dos insumos. Atualmente, a maioria da população ativa em Amargosa está inserida no setor primário, produzindo na agricultura as culturas de subsistência tendo a mandioca como a mais importante, com ênfase para banana, milho, feijão, fumo e amendoim, que são o sustentáculo da pequena produção. No cacau, café e a cana encontram-se a alternativa da pequena e da média produção.

Atrativos turísticos

    Festa de São João: Acontece todos os anos na Praça do Bosque. A partir de 2010 a o evento passa a ter 10 dias de duração e consolida a cidade como o principal destino junino da Bahia e um dos maiores do Brasil. São vários dias de festa, recebendo por dia uma média de 60.000 pessoas de vários estados do Brasil. É tida como a melhor festa junina do Estado da Bahia e está entre as cinco melhores festas juninas do país. O maior recorde de público do são joão de Amargosa, foi em 2007 quando se apresentou no palco principal a Banda Calypso, que reuniu mais de 90.000 pessoas na Praça do Bosque.
    Forró do Piu-Piu: Uma festa particular que ocorre todos os anos no período do SJ, sempre conta com grandes bandas do país, acontece no Hotel Fazenda Colibri, participam aproximadamente 10.000 pessoas