Manaus - AM
Manaus - AM

Capital   Manaus - AM
Área (km²) 1.570.745,680                                                            
Número de municípios                                         62
População estimada em 2010                             3.480.937

 

 
 
Nhamundá 1 - AM Nhamundá 2 - AM Nhamundá 3 - AM Nhamundá 4 - AM

Nhamundá - AM

Nhamundá - AM  Amazonas - AM 
População 18 278
Nhamundá é um município brasileiro no interior do estado do Amazonas. Pertencente à Mesorregião do Centro Amazonense e Microrregião de Parintins, localiza-se a leste de Manaus, capital do estado, distando desta cerca de 375 quilômetros.

Ocupa uma área de 14 105,619 km²[2] e sua população, contada pelo IBGE em 2010, era de 18 278 habitantes, sendo assim o trigésimo quinto município mais populoso do estado do Amazonas e o quarto de sua microrregião. Sua área representa 0.8980 % da área do estado do Amazonas, 0.3661 % da Região Norte e 0.166 % de todo o território brasileiro.

O município possui uma temperatura média anual de 26,3°C. Na vegetação do município predomina uma formação arbórea esparsa. O seu Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) é de 0,656 sendo considerando inferior à média nacional e baixo, comparando com o IDH apresentado pelo estado que foi de 0,780.

O nome Nhamundá origina-se do rio Nhamundá, que banha o território do município. Foi neste rio que, em 1541, deu-se o tão propalado encontro de Francisco Orellana e seus homens com as mulheres guerreiras amazônidas, a quem o espanhol denominou “Amazonas”. Essas guerreiras eram conhecidas pelos seus irmãos silvícolas e pela denominação de “Icamiabas”, que significa, na linguagem indígena, “Mulheres sem Marido”.

As origens da sede municipal remontam ao início das penetrações do rio Nhamundá, ocorrido nas primeiras décadas do século XVII. Os índios foram os primeiros habitantes - Uabuís, Cunuris e Guaicaris, com aldeia denominada Faro. Em 1758 ocorre sua elevação à vila. Na divisão administrativa do Brasil de 1911, aparece como integrante do município de Parintins, volta a dispor de um outro distrito, além da sede, o de ilha das cotias. Em 19.12.1955, pela Lei Estadual no. 96, o distrito de Ilha das Cotias é desmembrado de Parintins e passa a constituir o município autônomo de Nhamundá. Em 31 de janeiro de 1956, foi instalado o município de Nhamundá.

O município de Nhamundá está localizado na zona fisiográfica do Baixo Amazonas, limitando com os municípios de Parintins e Urucará, no Amazonas, com o estado de Roraima (norte) e com os municípios de Faro e Terra Santa, no estado do Pará. Distância da capital 375 km, em linha reta, e cerca de 577 km por via fluvial. Sua altitude é de 50 metros acima do nível do mar.

Habitavam primitivamente a região os índios: Uabois ou Jamundás, Cuniris, Guncari.
Em 19.12.1955, pela Lei Estadual nº 96, o distrito de Ilha das Cotias é desmembrado de Parintins e passa a constituir o município Autônomo de Nhamundá, com sede na vila de Afonso de Carvalho.
Em 31.01.1956, instala-se o novo município, nomeado pelo Governador do Estado, o sr. Pedro Macedo de Albuquerque.

Significado do Nome
O rio Nhamundá, que banha as terras do município a quem empresta o nome, é o celebre rio em cuja a foz, em 1541, deu-se o tão propalado encontro de Francisco Orellana e seu pessoal com as mulheres guerreiras, a quem o espanhol denominou “Amazonas”. Essas guerreiras eram conhecidas pelos seus irmãos silvícolas, pela denominação de “Icamiabas”, que significa “Mulheres sem Marido”.