Maceió - AL
Maceió - AL

Capital Maceió - AL                               
Area (Km²)   27.767,661
Números de Municípios 102
População estimada em 2010 3.120.922

 

 
Joaquim Gomes 1 - AL Joaquim Gomes 2 - AL Joaquim Gomes 3 - AL Joaquim Gomes 4 - AL

Joaquim Gomes - AL

Joaquim Gomes - AL Alagoas - AL            
População 22.581
Joaquim Gomes é um município brasileiro do estado de Alagoas.

O município de Joaquim Gomes tem suas origens históricas ao engenho São Salvador, de propriedade de José Correia de Araújo Barros. Em 1900, Araújo Barros faleceu. Por razões de problemas financeiros que envolveram os seus negócios a sua propriedade ficou alienada a seu genro, Joaquim Gomes da Silva Rego, que tinha a patente de major da Guarda Nacional, resolveu tomar a frente dos negócios da família e adquiriu do banco credor a propriedade então alienada. Uma de suas primeiras providências foi dedicada à Nossa Senhora da Conceição graças ao espírito empreendedor de Joaquim Gomes, o local alcançou notável prosperidade. Antes do início da colonização daquelas terras, os índios urupês ocupavam a região ainda hoje existem descendentes desses indígenas habitando no povoado Cocal, são morenos com cabelos lisos e dedicam ao cultivo de lavouras de subsistência. A Pequena vila que se formou viveu uma fase de grande desenvolvimento tal fato ensejou o surgimento de movimentos para conseguir sua emancipação política.

O nome do município é uma homenagem prestada a Joaquim Gomes da Silva Rêgo que deu grande impulso ao povoado durante a sua formação histórica. Anteriormente, era uma pequena aldeia arupé, chamada pelos índios de Urucum, que é o fruto do urucuzeiro uma substância que se extrai da polpa desse arbusto e é empregada na fabricação do colorau.

Até o ano de 1985 a produção Industrial de Joaquim Gomes era representada pela indústria de transformação Açucareira, a Usina Alegria; com a falência deste setor, este tipo de atividade entrou em decadência. Depois de décadas tivemos a reativação da Usina Agrisa, vindo a gerar centenas de empregos e receitas ao município, que não durou muito tempo e chegou a párar de funcionar deixando a cidade novamente sem sua receita. hoje o espaço é ocupado pelo pessoal dos sem terras.